A caçadora de pardais

Carol sempre quis ser caçadora de pardais.

Começara em criança e fora tecendo o seu sonho enquanto observava aqueles passarinhos aparentemente vulgares e insignificantes. Para ela, porém, representavam a única possibilidade de atingir o seu sonho: roubar o Sol. 

A ideia ocorrera-lhe ouvindo uma música de cantautor -dessas que não costumam ouvir as crianças: “Ataremos bandadas de pardais aos pulsos e fugiremos a outro planeta”. Ela fugiria até ao Sol. E rouba-lo-ia. E o Sol, a partir de então, seria só para ela.

O único que a atormentava era saber que nunca se atreveria a ter engaiolados os pardais enquanto juntava todos os que necessitava.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s